Placa Preta 2024: Descubra Quais Carros Completam 30 Anos

Um dos momentos mais importantes do mundo automotivo, já temos a lista dos veículos que vão receber a placa preta 2024. Mas você sabe o que isso significa? Confira aqui quais carros nacionais estão completando 30 anos!

Carro com placa preta em 2024
Imagem: Freepik

O que significa a placa preta 2024?

Existem produtos que marcam uma época, seja lá por qual motivo for, e merecem ser lembrados para sempre na história.

No caso do mercado automotivo, carros com um alto nível de originalidade e que forem considerados de extrema importância podem receber um Certificado de Originalidade do DENATRAN (Departamento Nacional de Trânsito).

Mais conhecido como “Placa Preta”, o certificado serve como uma espécie de “tombamento histórico”. Por esse motivo, os veículos que o recebem acabam sendo considerados como modelo de coleção.


Quem pode usar placa preta?

Mas para um carro receber a placa preta em 2024, ele deve cumprir com uma série de obrigações.

A primeira delas é que ele tenha pelo menos 30 anos desde a sua fabricação, porém, não importa a data específica, e sim o ano. Dito isso, em 2024 carros fabricados até 1994, podem receber o certificado.

Entretanto, o veículo também precisa cumprir com outro requisito para ter direito a placa: a originalidade.

Carro retrô estacionado na grama
Imagem de ArthurHidden no Freepik

Neste sentido, apenas carros com pelo menos 80% da sua estrutura original têm direito. Ou seja, o proprietário deve manter coisas como a aparência, carroceria, suspensão, mecânica e elétrica o mais próximo possível de quando o veículo foi lançado.

http://iCar%202024
NOVIDADES

iCar 2024

Preço, Tecnologias, Ficha Técnica e Fotos.
Conferir!
Você permanecerá no site atual

Lista de carros que podem receber a placa preta em 2024

Confira abaixo uma lista que separamos para você com alguns dos carros lançados 30 anos atrás que já tem direito à placa preta 2024!

Chevrolet Corsa

O Chevrolet Corsa chegou para revolucionar o mercado de carros compactos, desbancando o Fiat Uno com um projeto moderno e sendo o primeiro popular a chegar no Brasil com injeção eletrônica.

Chevrolet Corsa é um dos carros que pode receber placa preta em 2024
Imagem: Divulgação / Webmotors

Neste sentido, o modelo que chegou nas opções de motores 1.0 e o 1.4 — os dois da Família 1 — foi o responsável por elevar nosso mercado ao nível do mercado externo, pelo menos na modernidade dos nossos carros populares.

Chevrolet Omega 4.1

No Brasil, o Omega chegou com o mesmo motor 3.0 de seis cilindros, projetado para sua versão alemã. Entretanto, em 1994 a primeira geração do carro saiu de linha na Europa e o motor teve que ser substituído.

Porém, no Brasil, a solução para o carro foi revitalizar o antigo 4.1 do Opala, já que o novo motor V6 da segunda geração na Europa não cabia no nosso Omega.

A parceria da Chevrolet brasileira com a britânica Lotus resultou em um motor praticamente novo com 168 cv e 29,1 kgfm de torque em baixas rotações.

Fiat Uno Turbo e Tempra Turbo

Há 30 a Fiat demonstrou sua liderança em inovações no mercado brasileiro, lançando não apenas o Uno Turbo, o primeiro turbinado de fábrica no Brasil, mas também o Tempra Turbo, que o seguiu meses depois.

Se destacando como carro mais rápido do Brasil quando lançado, o Uno Turbo — derivado do esportivo 1.6R — é impulsionado por um motor 1.4 turbo importado da Itália e produz 118 cv.

Fiat Tempra
Imagem: Divulgação / Webmotors

O carro tinha um desempenho insuperável, com seus apenas 975 kg. Mas a montadora continuou a liderar no cenário de carros turbinados, lançando o Tempra Turbo alguns meses depois.

O novo modelo vinha equipado com um motor 2.0 de 8 válvulas e uma potência impressionante de 165 cv e 26,5 kgfm de torque, ultrapassando os 210 km/h.

Além disso, o carro estava disponível exclusivamente na versão de duas portas para o mercado brasileiro, com um acabamento mais esportivo.

Volkswagen Gol “bolinha”

O último carro dessa nossa lista que está completando 30 anos e já pode receber a placa preta em 2024 é o famoso Gol “bolinha”, um compacto que fez sucesso com sua mecânica simples, mas robusta.

Apelidado de “Gol Bolinha”, devido a sua aparência mais arredondada, ele era basicamente uma remodelação da arquitetura antiga. Entretanto, ele teve alguns problemas, especialmente com o aproveitamento limitado do espaço interno.

Mesmo assim, o carro foi um marco, trazendo um interior mais refinado e, semelhante ao Corsa, carro com o qual competia, injeção eletrônica.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Jaizon Carlos
Formado em Letras, apaixonado por tecnologia e comunicação. Há mais de 3 anos atuando na criação de conteúdo no mercado automotivo.